Newsletter

Autenticação
O Hotel PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

Slide Esp 8

Sinopse:

Em “O Hotel”, Gonçalo M. Tavares desenha, com precisão geométrica, um mundo opressivo com regras e costumes feitos de bocados do nosso mundo e da sua história. Há meninos e meninas que fazem de cães, lutas entre cegos, loucura e desemprego, tratamentos médicos que travam e aceleram. E no centro de tudo há um hotel que tem várias salas, entradas e buracos. Um texto do século XXI, na forma e no conteúdo, deu corpo a um projeto que desnuda a contemporaneidade, revelando a incompletude e as diferentes possibilidades inerentes a uma manifestação artística despojada de convenções. Trata-se de um terreno movediço onde a palavra permite uma miríade de interpretações, às quais se associa uma partitura de movimentos não definitivos. Neste incessante processo de busca, não da lógica nem da coerência, mas da consistência de uma proposta que implique não ficar prisioneiro do “understand”, todos somos aprendizes.

 
Faixa publicitária